Como prevenir é sempre melhor que remediar, não é preciso ser acometido por alguma doença ou mal súbito para se dar conta de que é necessário cuidar mais da sua saúde, não é mesmo? Até porque, muitas vezes, não há tempo suficiente para reparar os danos causados ao organismo.

As doenças do coração, por exemplo, atingem milhões de brasileiros e podem inclusive levar à morte. E elas ocorrem por uma série de fatores, como má alimentação, sedentarismo ou complicações de outras doenças. 

Em muitos casos, poderiam ser evitadas com algumas mudanças saudáveis no cotidiano que acarretam em bem-estar. Veja 5 práticas simples para se prevenir e fazer o músculo funcionar melhor e com mais eficiência, a fim de evitar doenças cardíacas como o acidente vascular cerebral (AVC) ou o infarto.

1. Faça exercícios

Quem pensa que a prática de exercícios físicos está relacionada somente à perda de peso ou aquisição de músculos está muito enganado. A atividade é de extrema importância para que o corpo funcione corretamente. Os exercícios afastam doenças cardiovasculares, fazem bem ao cérebro e ainda dão aquela sensação de bem-estar.

2. Controle o peso

O excesso de peso exige um esforço maior do coração e de todo o sistema circulatório, sendo a principal causa do aumento da pressão e podendo levar à insuficiência cardíaca. O ideal é manter o índice de massa corpórea (IMC) entre 20 e 25.

3. Controle a pressão arterial

Sempre que possível, peça para seu médico ou outro especialista medir sua pressão arterial. Como o valor considerado normal é 12 por 8, fique alerta caso fuja disso. 

Quem tem histórico de hipertensão na família deve fazer acompanhamento a partir dos 30 anos e não descuidar da quantidade de sal ingerida. Vale lembrar que a hipertensão arterial aumenta probabilidade de derrame, infarto, insuficiência cardíaca e morte prematura.

4. Mude sua alimentação

Manter uma alimentação saudável, sem exagerar nas gorduras, no sal e no açúcar, é fundamental dentre os cuidados com o coração, mas outras mudanças na rotina podem – e devem – ser feitas, principalmente por quem já passou dos 40 anos. 

Uma dela é optar por óleos vegetais para abaixar os níveis de colesterol e a outra é reduzir o consumo de carne vermelha para até três vezes por semana. Adotar a dieta mediterrânea, com alto consumo de peixes e consumo moderado de vinho e  azeite de oliva, também traz benefícios à saúde.

5. Combata o estresse

Para prevenir doenças do coração não basta apenas cuidar do nosso corpo. Também temos que nos atentar para nossa saúde mental. O colesterol alto, que causa a hipertensão e obstrui as artérias do coração, é um dos efeitos do excesso de estresse. 

Evitar a ansiedade e o estresse pode até não ser tarefa fácil, mas alguns exercícios como respirar fundo, falar o que pensa, ter amigos e adotar práticas relaxantes pode ser um bom começo.

Há ainda outros hábitos saudáveis que têm o efeito de blindar o coração, como investir na vitamina D, expor-se ao sol por 15 minutos ao dia, ter um sono reparador e ouvir música. E não podemos nos esquecer que o hábito de fumar e o excesso de álcool são nocivos ao coração.

Vamos cuidar mais do nosso coração?