O metabolismo humano tem várias maneiras de manifestar alterações e doenças, sendo uma delas na qualidade das unhas. É importante ficar atento aos sinais.

Pouca gente sabe, mas quando as unhas estão fracas, ressecadas ou mesmo quebradiças, pode ser sinal de doenças como má circulação sanguínea, anemia, hipertireoidismo e hipotireoidismo. O principal motivo que tais males são revelados pelas unhas, é que um metabolismo afetado dificulta e até pode impedir o transporte de nutrientes até elas, provocando assim estes reflexos. 

Quando a unha está quebradiça ou fraca, pode ser um sinal de que a pessoa esteja com problemas nutricionais ou sofreu algum tipo de trauma. Este estado das unhas ainda podem indicar alterações significativas na tireoide ou anemia, assim como também maus hábitos alimentares e dermatose. Vale à pena reforçar que um dos principais fatores que fortalece o crescimento e a saúde das unhas é a vitamina D, portanto, se o corpo não tem uma boa reposição dessa vitamina, os reflexos podem se manifestar nas unhas. 

A verdade é que é possível sim, identificar alterações no metabolismo através da qualidade das unhas, portanto é preciso ficar atento e procurar orientação médica em casos mais graves.

Como deixar as unhas mais fortes?

Você pode contribuir para deixar as unhas mais fortes mudando alguns hábitos, como deixar a unha sem pintar pelo menos um dia na semana, e retirar todo o esmalte à noite. O que acontece é que o uso abusivo de esmalte pode resseca-la e deixá-la mais fraca ao longo de muitos anos. Outro ponto interessante sobre o esmalte é que algumas pessoas acreditam que usar um tom escuro favorece no fortalecimento rápido da unha… Porém, é um mito.