A incrível história da guerreira Dona Eurides Fagundes.

O índice de envelhecimento da população vem crescendo cada vez mais. Um bom exemplo é a baiana, Eurides Fagundes, de 120 anos, considerada a mulher mais velha do mundo, depois de desbancado a japonesa Misao Okawa, que morreu aos 117 anos.

Nascida no dia 06 de dezembro de 1894 e totalmente lúcida, Dona Eurides já enfrentou um câncer no intestino, se curou e hoje em dia mora em uma casa de apoio na capital, há mais de 18 anos.

Na juventude trabalhou como empregada doméstica e chegou a ser casada, porém seu companheiro morreu pouco tempo depois, então não teve filhos nem se casou novamente.

A idosa não consegue mais caminhar sozinha e possui uma alimentação mais restrita e controlada, já que ela adora comer peixe, mariscos e outros frutos do mar.