A psicologia do Budismo está diretamente ligada a medicina tibetana, isso é devido ao fato de ambas estarem extremamente apoiadas na ligação entre corpo e mente.  A medicina tibetana é uma prática extremamente eficaz de cura física com abordagem espiritual. Este sistema de cura está envolto nos ensinamentos e na prática do budismo.

A existência terrena e a sua evolução são consideradas as principais causas das doenças e seus sintomas. A Medicina Tibetana, com o auxílio dos princípios e filosofias budistas, tem como objetivo curar e prevenir o sofrimento temporário e permanentemente causados pelas doenças.

Quando a medicina física tibetana não é suficiente para erradicar as causas da enfermidade o foco da cura passa a ser mental, utilizando o método budista do positivismo e pacificação das emoções negativas.


Essa abordagem está ligada diretamente ao budismo, de que a doença também pode ter causas mentais, sociais, espirituais e comportamentais. Emoções perturbadoras, apego, raiva e mente fechada, causam desarmonia energética corporal e podem ser a principal causa das enfermidades. Para os budistas uma mente liberta da ignorância e da ilusão, o corpo fica “livre de doenças”.

Quer saber mais sobre medicina Tibetana e oriental, acompanhe nosso blog.

Até a próxima.